Separados à nascença: os gémeos trocados na Colômbia

Os gémeos de Bogotá

Uma reportagem incrível do New York Times, que não consegui parar ler hoje à hora de almoço e não quis guardar para uma das compilações regulares do Li na Net.

É a história de dois pares de gémeos idênticos que foram trocados pouco depois de nascerem em 1988, em Bogotá. Podia ser aquele filme com a Bette Midler e a Lily Tomlin, mas é mesmo a vida real. A reportagem vai explorando o drama pessoal e familiar dos irmãos pouco antes do momento que muda a vida deles, quando descobrem que poderão ter um irmão gémeo idêntico, e não um irmão gémeo “falso”, como sempre acharam a vida inteira. A história também aborda temas fascinantes como a importância da genética, da epigenética, e do peso dos genes vs. o ambiente em que somos educados.

“The four young men in Bogotá had each been raised as a fraternal twin, an identity in and of itself. Now, they realized, they were each an identical twin, part of a matched pair. Even before the four brothers met, each was already, unknowingly, aligning himself with the sibling with whom he shared a womb. Carlos and Wilber were cautious, convinced that no one should pursue the matter any further — who knew what trouble these people could bring. William and Jorge, however, were open to the possibility of an encounter.”

Aqui – The Mixed-Up Brother of Bogotá.

E agora? Podem ir à página dos melhores posts (escolhidos por mim), subscrever o blogue por e-mail (se forem esse tipo de pessoa), ou fazer 'gosto' na página do Facebook e ter acesso a mais paisanices:

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.


*


Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.